A3 tem servidores fora do ar após tentativa de ataque

Mariana Corsi – 10/08/2020

Na noite desta segunda-feira, 10 de agosto, o A3 foi alvo de um atentado digital coordenado.
O ataque aconteceu perto das 20h, nos servidores da empresa por meio de um acesso remoto.
Assim que os sistemas do A3 perceberam a tentativa de invasão, por segurança, todos os sistemas e servidores da marca foram lacrados.
A partir daí, nem um dado poderia ser acessado dentro ou fora de nossa central.

O Data Center entrou em modo de lacragem, as 21h, com toda a equipe técnica dentro do prédio, para tentar verificar a origem do ataque.
O problema afetou, sistemas e sites da empresa e de seus clientes.
Mas, não afetou dados, ou o Android Oglos, lançado neste domingo, 9 de agosto.

Neste momento, os dados que foram coletados estão sendo apresentados as autoridades e é cedo para tentar responsabilizar qualquer pessoa pela iniciativa.
A Executiva do A3 Oglos, Nathália Valle, disse que o problema foi resolvido, as 22h30 da noite desta segunda-feira.
Assim que foi constatado que os sistemas estavam seguros e o material dos clientes protegidos, os servidores foram liberados para uso.
Os sites e sistemas hospedados, voltaram a funcionar nos 10 minutos seguintes.
E-mails que pararam de operar,, também voltaram a ativa.
O mesmo aconteceu no escritório virtual Genisys.

O A3 Oglos, trabalha para primar a segurança cibernética de todos os seus clientes.
Para evitar qualquer tipo de invasão, os sistemas e servidores são programados para travarem, impedindo qualquer acesso remoto não autorizado.
Uma investigação interna, paralela a das autoridades, está sendo realizada.
É preciso se descobrir, se o ataque foi algo aleatório, ou se foi destinado ao A3 ou qualquer uma das 86 empresas que hoje tem contratos ativos com a Marca.